Abarth 500e: O Scorpion é eletrificado com 155 CV de potência…

Novo Abarth 500e

A história da Abarth não poderia ser entendida sem a Fiat e vice-versa. De fato, foi em 1949 que nasceu a casa italiana: uma das mais especiais por seu artesanato e conceito esportivo. No entanto, a evolução do setor automotivo levou-o a um extremo complicado: esportividade e autonomia são como óleo e água. No entanto, em Stellantis, eles estão determinados a enterrar esse tabu e o novo Abarth 500e é a prova. Na verdade, ele quer ser único…

Sim, porque embora volta para levar como base seu irmão Fiat 500e obter distância. E aliás colocaram seus rivais na corda bamba: Honda e Mini Cooper SE. Diante deles mostra um design diferenciado e uma técnica que não é revolucionária, mas que o ajuda a sair na frente. Além disso, embora ainda não sabemos qual será o seu preço, certamente o intervalo é mais apertado. Enfim, se você gosta e quer conhecê-lo, não perca, porque ele quer ser um sucesso...

A estética do novo Abarth 500e é mais radical e atraente do que a do seu irmão Fiat 500e...

No plano estético, como já indicamos, o novo Abarth 500e é baseado no Fiat 500e. Na verdade, é o mesmo veículo, embora com melhorias substanciais para distanciá-lo. Para tal, segue à risca o lema “Nova era, mesmas raízes, mesmo ADN”. Agora o logotipo da Abarth vai na linha do capô e na grelha, na área central, o nome da marca. Além do difusor ou para-choque com grade em favo de mel no centro.

Teste o Fiat 500 elétrico
Artigo relacionado:
Teste Fiat 500e Icon hatchback 42 kWh, 118 CV e 320 km de autonomia

A vista lateral é idêntica à de seu irmão Fiat. Ainda assim, para se distanciar, ostenta o logotipo lateral eletrificado da casa Scorpion. Por sua parte o rodas de liga leve, que podem ter 18 polegadas, também são novidades. E não é só, já que incorpora vidro traseiro e vidros traseiros escurecidos de série para oferecer maior privacidade no habitáculo. Já a versão cabrio CC integra um spoiler específico que lhe dá uma aparência mais esportiva.

O interior do 500e é familiar, mas agora tem detalhes esportivos...

Novo Abarth 500e

Se o design exterior do Abarth 500e se assemelha ao do Fiat 500e, o mesmo acontece no interior. Além do mais, não há grandes diferenças, exceto nos materiais e texturas usados ​​para decorá-lo. Em primeiro lugar, chama a atenção para o generosa tela de toque central de 10,25 polegadas. Ele ganha vida graças ao sistema uConnect que inclui navegação, Apple CarPlay e conectividade Android Auto ou o novo "Páginas de Desempenho”.

Abarth-logo
Artigo relacionado:
A Abarth quer que você a ajude a desenvolver seu novo carro. Você sabe como?

Como Abarth disse, eles permitem modifique o painel de instrumentos digital configurável de 7 polegadas. Dessa forma, você pode modificar a visualização e os gráficos para torná-los mais esportivos. Quanto ao interior, a união de tons escuros confere-lhe um toque desportivo e elegante. Além disso existe o possibilidade de incluir costuras contrastantes que dão um toque de cor ao interior. Além da logomarca renovada do escorpião que vai no volante.

A versão especial de lançamento "Scorpionissima" é limitada a 1.949 unidades... e chega ao topo dos equipamentos...

Novo Abarth 500e 41

Para ajudar a aumentar as encomendas iniciais do novo Abarth 500e, a marca lança a edição especial “Scorpionissima”. A primeira novidade é que o corpo pode ser pintado em Acid Green ou Poison Blue. Há também rodas de liga leve de 18” Diamond-Cut Titanium Grey ou teto de vidro para a versão cupê. Por último, inclui pedais de aço esportivos e uma placa de logotipo gravada.

As 1.949 unidades da versão especial "Scorpionissima" homenageiam o ano de fundação da marca. Além disso, estarão disponíveis para carrocerias cupê e conversíveis

A nível de equipamentos, o novo 500e “Scorpionissima” inclui elementos como Sistema de som premium JBL ou um pacote completo de auxiliares de condução ativos. Entre os mais destacados, não faltam controle de cruzeiro ativo, alerta de ponto cego ou assistente de faixa de rodagem. Para ajudar na hora de estacionar, você pode contar com a ajuda do câmeras de visão 360º. Assim que tiver habitabilidade e porta-malas, os dados são idênticos aos do Fiat 500e.

Boa base técnica mas com alguns segredos ainda por descobrir...

Novo Abarth 500e 26

Se chegou até aqui vai sentir que a técnica do Abarth 500e é a mesma do Fiat. Mas há uma série de mudanças que dão maior exclusividade ao modelo escorpião. Em primeiro lugar o motor elétrico oferece 113,7 kW (155 cv) e 235 Nm de torque ou o que é o mesmo, 37 CV a mais que o Fiat. Para se alimentar utiliza uma bateria de 42 kWh da qual ainda não sabemos qual é a sua autonomia porque a empresa italiana não forneceu esse valor.

Abarth anuncia um aceleração de 0 a 100 km/h em 7,0 segundos e uma recuperação de 40 a 60 km/h em 1,5 segundos. Mas ainda guarda para si a velocidade máxima ou a autonomia, embora usa a mesma bateria de 42 kWh do Fiat 500e

Como novidade, a marca desenvolveu três modos de condução: Touring, Scorpion Street e Scorpion Track. Dependendo da potência utilizada, ela varia, como no Turismo, onde o desempenho cai para 136 CV e 220 Nm. O modo Scorpion Street, por sua vez, regenera mais energia quando usado. Finalmente, o modo Scorpion Track foi projetado para aproveitar seu poder no circuito. Além disso, o Abarth aprimora seu som com um equalizador.

Em relação à carga, um trecho muito importante em um modelo desse tipo, ela segue o padrão do Fiat 500e. É aquele o carregador de bordo é de 11 kW e de corrente continua chega a um potência máxima de 85 kW. Desta forma, pode encher o acumulador, na situação mais vantajosa, em cerca de 35 minutos. Isso representa 80% da carga, embora o restante diminua para não danificar a bateria.

Quando chegará ao mercado o novo Abarth 500e?

Novo Abarth 500e 15

Para já, a Abarth guardou este e outros segredos. No entanto, é uma questão de dias ou semanas para liberar todas as informações que estão pendentes. haverá veja seu preço base, embora nos dê a entender que será mais barato que os seus rivais... Quem aposta...?

Fonte - Abarth


O conteúdo do artigo segue nossos princípios de Ética editorial. Para relatar um erro, clique Clique aqui.

Seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*

  1. Responsável pelos dados: Miguel Ángel Gatón
  2. Finalidade dos dados: Controle de SPAM, gerenciamento de comentários.
  3. Legitimação: Seu consentimento
  4. Comunicação de dados: Os dados não serão comunicados a terceiros, exceto por obrigação legal.
  5. Armazenamento de dados: banco de dados hospedado pela Occentus Networks (UE)
  6. Direitos: A qualquer momento você pode limitar, recuperar e excluir suas informações.